Fita de Moebius

humanismo – política – sci-fi – software livre – achismos

Filmes Imaginários: Tropa de Elite 2

Posted by Márcio Gonçalves em fevereiro 5, 2010

Sobre este já li um pouco. Então, vou tentar partir do que já foi divulgado.

É 2007. O Capitão Nascimento trabalho na Secretaria de Segurança e o ex-soldado Matias agora é capitão do BOPE. O filme começa quando um soldado do BOPE é assassinado durante uma operação comandada por Matias. A coisa fica estranha quando a perícia determina que o soldado foi morto por bala do BOPE, e não das armas dos bandidos. Nascimento vai a Matias oferecendo ajuda para descobrir o traidor. Depois de matarem mais bandidos, torturarem parentes de bandidos, e botarem a culpa da violência nas ONGs e nos “universitários maconheiros”, eles acabam descobrindo que a razão do assassinato vem de um grande carregamento de armas que está por chegar. Matias, junto com outro pelotão, vai com uns três caveirões para o local da entrega das armas. O pelotão original do Matias, onde agora há um suspeito de ter conexões com bandidos, provavelmente está sendo torturado também… O BOPE bota pra quebrar no local de entrega das armas. Nascimento não agüentou de saudades e foi lá aterrorizar uns pobres pessoalmente. NO finzinho da operação, um bandido preso olha pro Matias e fala: “pô chefia, que que houve?”. Matias o mata a sangue-frio. Nascimento finalmente entende tudo: Matias era o traidor! E emenda logo a pergunta: “Por quê?”.

Matias faz um discursinho dizendo que precisava daquelas armas para levar adiante um projeto de um grupo independente que ia resolver os problemas do crime (sim, seria um esquadrão da morte urbinado). Mas para fazer a limpeza precisou primeiro botar as mãos na sujeira.E que a grande inspiração dele para fazer isto era o próprio Nascimento…

Nascimento, que não é bobo nem nada, usa dos seus dotes de Jack Bauer e entra num dois caveirões para fugir. Outro caveirão o persegue. (Imaginem: caveirão contra caveirão no meio da rua). O Caveirão do Nascimento acaba caindo morro abaixo e o Matias acaba deixando o caveirão dele para ir lá embaixo ver o que ia fazer do Nascimento. Na pressa, deixa o seu próprio caveirão vazio. A população da favela, revoltada com a destruição causada pelos dois caveirões, entra no caveirão do Matias e sai atacando o BOPE, que se dá mal, muito mal. Matias leva Nascimento para fora da confiusão , deixa ele na beira da estrada e diz:

“Não posso te matar, Nacimento”.

Seis meses depois, Nascimento se recupera dos ferimentos e leva a seus superiores informações osbre o que ocorreu. Qual não é sua surpresa ao ver na cara de todos os seus chefes uma expressão dura. UM deles fala explicitamente:

“Sabemos de tudo. Nós patrocinamos a criação do grupo de extermí… digo, grupo de combate ‘olho por olho’ do Matias. Se você não conconrda… PEDE PRA SAIR!”

Close na cara do Nascimento. Não sabemos qual vai ser sua resposta. (e de quebra ainda ganhamos um gancho para o “Tropa de Elite 3”)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: